INTRODUÇÃO

Pedrinhas e Cedovém são dois Lugares à beira mar, situados entre Ofir e a Apúlia, no concelho de Esposende - PORTUGAL.

Localizam-se num lugar calmo em cima do areal, onde pode almoçar e jantar com uma gastronomia típica local e poder usufruir de uma paisagem natural marítima Atlântica a uma temperatura do Litoral do Sul da Europa .
Onde construções CELTAS desabrocham de fundações milenares, que resulta uma relação de interligação com a paisagem. Os caminhos e os percursos de acesso ainda se encontram em areia e criam uma composição que conjuga de forma perfeita entre a topografia e época das construções, o que dá um cunho único ao Lugar. Se estivermos acompanhados com alguém especial, imediatamente nos apaixonamos e nunca mais conseguimos cortar o "cordão umbilical" com este LUGAR cheio de magia e de uma beleza natural única.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

TO BE OR NOT TO BE THAT IS THE QUESTION

SER OU NÃO SER EIS A QUESTÃO
IDENTITY
IDENTIDADE

N.O.S. - Nova Ordem Solidária

"NÓS SOMOS"

O SER, O SER HUMANO
Somos também: O TER e o QUERER
Somos o Poder, o Sentir, o Estar, o Assumir.
Somos o Compromisso.
Somos o PENSAMENTO, o Idioma, a Consciência, o Nome, o Conceito.

Somos o PRINCÍPIO e a LIBERDADE.

Somos a e o Culto, o Ideal e a Solidariedade,
Somos a Mística e Somos a Raça (as Caracteristicas)

Somos a EXPRESSÃO, a Comunicação

Somos também a União, a Comunhão e a Convergência
Somos o Princípio e o Fim, as Origens e o Destino,
Somos também, 800 anos de Sedimentação.
Somos a Sociedade Civil, o DIREITO e o DEVER,
Somos a Verdade e a Justiça, o Estatuto, a Lei, a Responsabilidade,
Somos a Maioridade, a Lógica e o Bom Senso, o Equilíbrio,
Somos os Usos e os Costumes, a Cultura e a Tradição.
Somos o Aperfeiçoamento Permanente, a Evolução, o Progresso,
Somos a Potencialidade.

Somos a DINÂMICA, o Objectivo a atingir, o Comportamento.
Somos o Respeito, (por nós próprios e pelos outros).
Somos finalmente o Interesse Comum, a Aliança de Todos,
Somos a Definição e a Legitimidade.
Somos a FORÇA DO ARGUMENTO e nunca o ARGUMENTO DA FORÇA.
Somos o Cidadão, a Família, a Tribo, o Povo, a HUMANIDADE.
Somos o Denominador comum.
Somos Alguém contra Ninguém, somos a Paz, (mas em Segurança).
Somos a Consagração, somos a Identidade.
Somos também, a pesar de tudo, a Relatividade.

Por tudo isto e não só...

Somos o Povo Português, somos os Povos da Expressão Portuguesa,
Somos a Europa Unida.
Somos as Nações Unidas em todo o mundo,

SOMOS A PARTE E SOMOS O TODO.

Somos o nosso PASSADO, o nosso PRESENTE e o nosso FUTURO.
Porto, 8 de Novembro de 1962
António Gil Peixoto de Sousa
Enviar um comentário