INTRODUÇÃO

Pedrinhas e Cedovém são dois Lugares à beira mar, situados entre Ofir e a Apúlia, no concelho de Esposende - PORTUGAL.

Localizam-se num lugar calmo em cima do areal, onde pode almoçar e jantar com uma gastronomia típica local e poder usufruir de uma paisagem natural marítima Atlântica a uma temperatura do Litoral do Sul da Europa .
Onde construções CELTAS desabrocham de fundações milenares, que resulta uma relação de interligação com a paisagem. Os caminhos e os percursos de acesso ainda se encontram em areia e criam uma composição que conjuga de forma perfeita entre a topografia e época das construções, o que dá um cunho único ao Lugar. Se estivermos acompanhados com alguém especial, imediatamente nos apaixonamos e nunca mais conseguimos cortar o "cordão umbilical" com este LUGAR cheio de magia e de uma beleza natural única.

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Com este Quadski ...sim....

sim...posso fazer agricultura, pesca e até divertir-me!
 

terça-feira, 21 de maio de 2013

ERROS DE HOJE, IGUAIS AOS DE ONTEM....

Relvas recebeu 14 mil euros de reforma
"O ministro Adjunto já está reformado. Miguel Relvas, de 51 anos, optou por suspender a sua pensão quando aceitou integrar o Governo liderado por Passos Coelho, dando cumprimento à lei que impede a acumulação de salários com pensões aos titulares de cargos políticos.
A subvenção vitalícia de Relvas é de 2800 euros por mês. No ano passado, a Caixa Geral de Aposentações pagou mais de 14 mil euros ao ministro adjunto a título de pensão vitalícia, um pagamento que foi suspenso quando tomou posse no actual Governo.
Miguel Relvas junta-se assim a Dias Loureiro, Armando Vara, António Vitorino e Zita Seabra no grupo de políticos que pediram a pensão vitalícia, uma regalia que terminou em Outubro de 2005. "
   
 

A presente realidade existe quando não se conhece o nosso passado.

Quem despreza a sua história, volta a cometer os mesmos erros!
 
"Povo sem passado, é povo sem memória, é povo sem futuro!" (Ditado Popular)


No Principio do Séc. XX, Zé Povinho a carregar a Nau do Estado, com as suas reformas constitucionais, moralidades e economia.

quarta-feira, 1 de maio de 2013

HÁ REALMENTE A INTENSÃO DE COMBATER A EROSÃO COSTEIRA???

CRISE E REDUÇÃO DE FUNDOS EUROPEUS DIFICULTAM COMBATE À EROSÃO COSTEIRA
 
A noticia que hoje vem no JN, e que faz referencia à erosão e às medidas a dotar no combate à erosão costeira, onde os cientistas só apresentam 3 regiões, sendo elas no centro e sul do país.
Curiosamente a noticia apresenta uma imagem do Lugar das Pedrinhas como exemplo, lugar onde a população considera que é um lugar de risco muito grave, como também achou o jornalista do JN para a colocar no artigo. Porém o projeto que está em fase de conclusão da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa não engloba o Lugar das Pedrinhas e de Cedovém. Não engloba, porque o estudo realizado tem o fim de adotar medidas, que passam pelo mecanismo de bloqueio da água do mar e aqui todos sabem que a erosão é derivada pelos esporões, e as medidas a tomar é a sua remoção.
 
"ESPORÃO rima com EROSÃO"