INTRODUÇÃO

Pedrinhas e Cedovém são dois Lugares à beira mar, situados entre Ofir e a Apúlia, no concelho de Esposende - PORTUGAL.

Localizam-se num lugar calmo em cima do areal, onde pode almoçar e jantar com uma gastronomia típica local e poder usufruir de uma paisagem natural marítima Atlântica a uma temperatura do Litoral do Sul da Europa .
Onde construções CELTAS desabrocham de fundações milenares, que resulta uma relação de interligação com a paisagem. Os caminhos e os percursos de acesso ainda se encontram em areia e criam uma composição que conjuga de forma perfeita entre a topografia e época das construções, o que dá um cunho único ao Lugar. Se estivermos acompanhados com alguém especial, imediatamente nos apaixonamos e nunca mais conseguimos cortar o "cordão umbilical" com este LUGAR cheio de magia e de uma beleza natural única.

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

"Avanço do mar ameaça Torres de Ofir" - Queres picar o mar espeta-lhe um pontão

 "Água está a «um metro e meio, dois metros» do local
O avanço do mar está a colocar «em sério risco» as Torres de Ofir, em Esposende, que já têm a água a «um metro e meio, dois metros», afirmou esta quinta-feira o vereador da Proteção Civil na Câmara local.

Maranhão Peixoto disse à Lusa que no fim de semana, por precaução, já foi vedado o acesso ao parque de estacionamento à superfície da torre mais a norte.

«Se o mar continuar a avançar com esta ferocidade, as torres correm sério risco», acrescentou.

Agência Portuguesa no Ambiente vai inteirar-se da segurança das torres

Responsáveis da Agência Portuguesa do Ambiente e da Câmara de Esposende deslocam-se esta quinta-feira à praia de Ofir para aferir das reais condições de segurança das três torres de apartamentos ali existentes.

A demolição daquelas torres já chegou a ser aventada, na altura em que o ministro do Ambiente era José Sócrates, mas nunca avançou"


Blogue das Pedrinhas & Cedovém com TV24

"Queres picar o mar?...enfia-lhe um pontão
Queres destruir a costa?...constrói esporões"


Enviar um comentário